Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Dramas de Primeiro Mundo

Dramas de Primeiro Mundo

04.Mai.15

E a semana foi assim...

Diana M.

semana (1) (2).jpg

No mundo real: A semana que passou foi algo mexida. Algumas coisas a andarem para a frente a nível da faculdade fez com que a minha vida andasse um pouco corrida por lá, mas soube bem. Não gosto é de não ter coisas para fazer. Gosto de me mexer, de me manter activa, até porque faz bem à minha sanidade mental. Quanto menos faço, quanto menos me mexo, mais ansiosa fico quando tenho que fazer coisas.

Esta semana voltei ao dentista porque, afinal, tinha uma pequena cárie. Foi a primeira vez que tratei uma cárie, era superficial, mas a sacana estava num sítio manhoso (num dente que tenho um pouco torto), mas a coisa correu bem. Há imenso tempo que não levava uma anestesia, então andei umas horas com meia cara dormente 

Foi também semana de feriado à sexta-feira e de fim-de-semana prolongado. YAY!! Tratei de acabar algumas coisas pendentes, de finalizar umas coisas e ainda sobrou o domingo para relaxar um pouco. 

 

Na TV: Esta semana só peguei na Anatomia de Grey. Aquele episódio emocionante do Derek e no especial de quase duas horas que se seguiu que também foi bastante emocionante. Eu, pelo menos, gostei imenso. Uma das minhas personagens favoritas é a Amelia, irmã do Derek, e mais uma vez destacou-se neste episódio, a meu ver. De certa forma consigo identificar-me com ela e com algumas das suas lutas, por isso é uma personagem que acarinho bastante e que me põe as emoções todas à flor da pele, já desde a sua época em Clínica Privada.

 

A Ler: Nada. Rien de Rien. Niente. Acabei de ler um livro para as minhas lides académicas, mas de ficção não consegui pegar em nada. Abril foi uma nulidade total, porque desisti de todos os livros em que peguei. Espermos que Maio seja melhor...

 

Filme da Semana: Esta semana vi dois: vi o Vertigo na totalidade e vi o documentário Senna, de que já falei no post anterior. O Vertigo é qualquer coisa de especial! A segunda metade do filme é surpreendente, inovadora (temos que pensar que é um filme dos anos 50), e Hitchcock leva o espectador por um caminho para depois nos dizer que não é nada daquilo que estávamos a pensar e toma lá um final inesperado que é para veres o que é bom! Gostei bastante de Vertigo e estou curiosa para ver o que se segue. Este fim-de-semana também apanhei os canais TVCine abertos (não sei por alma de quem, mas obrigada!) e consegui gravar dois filmes para ver depois: O Décimo Terceiro Conto (baseado no romance do mesmo nome de Diane Setterfield, que eu já li) e Um Quente Agosto (August: Osange County) que esteve nomeado para os últimos Óscares. Quero ver se os vejo esta semana.

 

Música da semana: Chuva no Mar, da Carminho e da Marisa Monte. Como não gostar desta música? Acalma-me a imagem da chuva no mar. Adoro.

2 comentários

  • Imagem de perfil

    Diana M. 04.05.2015 22:01

    Chuva no mar é tão lindo
    Eu nas leituras continuo na mesma... Apetece-me ler tudo e não me apetece ler nada. Vamos ver até quando isto dura.
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.