Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Dramas de Primeiro Mundo

Dramas de Primeiro Mundo

09.Jan.18

Tatuagens: O antes, o durante e o depois

Diana M.

A semana passada fiz mais uma tatuagem e, como uma das minhas resoulções para este ano é manter este blog mais actualizado, falando daquilo que me vier à cabeça, interessante ou não, então decidi vir falar-vos deste processo. Neste momento tenho duas tatuagens: uma na omoplata, que fiz há onze anos, e a mais recente que fiz na parte exterior do antebraço. Ambas têm um significado específico para mim e foram muito bem pensadas. Não sou nenhuma expert de tatuagens e, por isso, todas estas dicas vêm da minha experiência pessoal. Por isso, vamos às dicas.

 

ANTES DA TATUAGEM

 

O Desenho - Pensem bem no desenho que querem. Não cedam a impulsos, a vontades repentinas ou a modas. Podem achar muita giro agora um determinado desenho, ou uma citação, ou um estilo, mas podem não achar o mesmo daqui a uns meses ou uns anos. Por isso, acho que esta parte é a que deve ser mais pensada e na qual devem dedicar mais tempo. Têm de pensar "quando tiver 40, 50, 60, 70 anos, isto vai continuar a fazer sentido para mim? Vai ter tanto significado como agora?" No entanto, se pensarem bem e a resposta a estas perguntas for "sim, vai", então é porque já amadureceram bem a ideia e, provavelmente, farão a escolha certa. A tatuagem que fiz agora começou a ser pensada há 3 anos e sei que irá ter o mesmo significado e importância no futuro.

 

Local no corpo - A escolha do local onde vão colocar a vossa tatuagem também é importante. Já podem ter uma ideia definida do desenho, mas não saber bem onde a fazer. Nesse aspecto, acho que a internet pode ser uma grande ajuda porque através da pesquisa de imagens podem perceber que tipo de formatos ficam bem nas várias zonas do corpo. Depois há a questão da visibilidade. Por causa de certos empregos, há pessoas que não podem ter tatuagens visíveis e isso também é um elemento a ter em conta. Aí, se calhar não convém ter tatuagens nas mãos, pescoço e até braços. No entanto, se essa questão não se puser, acho que é mesmo uma questão de gosto pessoal. Há, ainda, a questão da dor.

Pessoas: tatuar dói, não há volta a dar. É claro que há locais mais sensíveis do que outros e cada pessoa também tem um limiar de dor diferente, para além da perícia do tatuador também poder ter influência. Mas tatuar dói. Não escolham um local no vosso corpo só porque dói menos, quando se calhar até gostavam de tatuar num outro local. A única coisa que não aconselho é que escolham um local muito doloroso para primeira vez que vão tatuar - normalmente são sítios com mais terminações nervosas, osso, com a pele mais fina. Mas fala a pessoa que escolheu, para primeira vez, tatuar na omoplata...

 

Estúdio e Tatuador - Em pleno século XXI, com toda a informação que existe, redes sociais, websites, etc., não há desculpa para fazerem tatuagens com pessoas sem experiência e/ou em estúdios que não reúnem os requisitos necessários para poderem gozar de uma boa experiência e saírem de lá satisfeitos com o que fizeram. Pesquisem bem os estúdios que existem na vossa zona e os tatuadores que aí tatuam. Há estúdios mais ecléticos do que outros, se procuram uma tatuagem mais realista, se calhar um estúdio onde se fazem mais tatuagens tradionais não será para vocês. Pesquisem por tatuadores também - estão imensos no instagram e no facebook, alguns, até aceitam marcações quando contactados pessoalmente, e há uma enorme oferta. Ao pesquisarem desta forma podem ver os seus trabalhos e perceberem se gostariam que aquela pessoa vos tatuasse. Se forem ao estúdio só com a ideia também não há problema, porque eles encaminham-vos para o tatuador que melhor se encaixa naquilo que querem. 

 

Preparação da pele - Têm de ter alguma atenção à pele do local onde vão fazer a tatuagem. Convém terem a área hidratada para que a tinta adira bem à vossa pele, o que pode reduzir as chances de a irem retocar posteriormente. Se tiverem a pele seca, com borbulhas, feridas, a tatuagem não vai correr tão bem. Aliás, se tiver feridas abertas, o tatuador nem vos vai tatuar. Assim, uns dias antes comecem a hidratar a pele da zona que vão tatuar (se não hidratam a pele com regularidade) para que a pele reaja melhor e, posteriormente, cicatrize melhor também.

 

DURANTE A TATUAGEM

 

Ora bem, depois do desenho escolhido, com toda a idea amadurecida na vossa cabeça e estúdio e/ou tatuador escolhido, chegam ao dia de fazerem a tatuagem. O que devem esperar?

 

Bom, primeiro, vão sóbrios e bem alimentados. Não vão querer desmaiar por causa de uma quebra de tensão, nem porque beberam demais ou consumiram outras substâncias ilícitas. Estejam fisicamente bem para conseguirem suportar alguns momentos, por vezes algumas horas, de dor e desconforto.

 

Depois, de certeza que vão conversar um pouco com o tatuador para terem a certeza de que o desenho que ele criou com as vossas referências é do vosso agrado. Sejam picuinhas: é em vocês que aquilo vai ficar para sempre, por isso têm o direito de discutir todos os pormenores, todas as linhas, o tamanho, tudo. 

 

Quando partirem para a tatuagem, assegurem-se que tudo aquilo que o tatuador vai utilizar é descartável e/ou é esterilizado. Desde as agulhas, às luvas, às cápsulas onde põem a tinta que vão usar. Tudo isto é importante para prevenir o contágio de doenças, mas também a probabilidade de infecção. É a vossa saúde que está em causa e se tiverem de fazer perguntas, não tenham medo. Um bom tatuador que está a fazer tudo certinho não vai ter problemas em vos explicar como as coisas funcionam.

 

E chega o momento da tatuagem! Dica principal: respirem. Respirem! É natural algum nervosismo e tensão por causa da dor, mas vai passar e têm de respirar para não ficarem tensos demais e sentirem-se mal depois. Coisa importante também: estejam quietos. O ideal é não se mexerem para que o tatuador não cometa erros. Se tiverem, por algum motivo, de se mexer então avisem. Podem ter alguma comichão, ou ter de espirrar, atender uma chamada, sei lá... Mas avisem antes de se mexerem.

 

DEPOIS DA TATUAGEM

 

Ora, depois de tanto esforço e tempo (e dinheiro) investidos, não vão querer estragar tudo, não é verdade? Então há que seguir os cuidados que o tatuador vos aconselhar. Normalmente esses cuidados são: limpar e hidratar com um creme específico (quase sempre vendido no próprio estúdio) a zona tatuada para que ela cicatrize bem. É normal ficarem com algumas crostas ou borbulhinhas, não se assustem e não tentem arrancar as crostas! Tudo isso desaparece com o tempo se a pele for bem tratada. Também é normal parecer que a tatuagem se vai desfazer, que as linhas estão tortas e que vai ficar tudo mal, mas não se assustem porque é normal durante a altura da cicatrização. Além disso, não mexam na tatuagem com as mãos sujas.

 

Também não convém apanhar sol, por isso não é indicado fazerem tatuagens durante o verão se ainda vão à praia e a vossa pele vai levar com muita exposição solar e água do mar. Tudo isso vai ter influência não só no tempo de cicatrização, mas também na própria qualidade da tatuagem que pode "desbotar" mais depressa. E isso vale para depois da cicatrização também. Ponham sempre, SEMPRE, protector solar nas vossas tatuagens (aliás, no vosso corpo todo, de preferência factor 30 para cima - aqui a je é branca de neve então vai tudo corrido a spf 50), porque vai ajudar a que fiquem mais bem preservadas ao longo do tempo. Também não é boa ideia fazerem tatuagens se estiverem bronzeados, porque a vossa pele vai alterar-se e as cores e a qualidade da tatuagem podem ficar diferentes.

 

Bom, estas foram as dicas de que me lembrei e achei importante partilhar convosco, caso estejam a pensar em fazer uma tatuagem. Como podem ver, há todo um processo e um cuidado depois de a fazerem e é importante que cada um esteja ciente disso. Fora isso, curtam as vossas tatuagens e nunca dêm demasiada antena para aqueles que têm preconceitos em relação às tatuagens. O problema é deles e não vosso. O corpo é vosso e a escolha sobre o que fazem com ele também. O que importa é que vocês se sintam bem. E isso vale tudo! 

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.